terça-feira, 1 de novembro de 2016

Os direitos dos animais são hoje o maior assunto de justiça social, desde a abolição da escravatura.

Os direitos dos animais são hoje o maior assunto de justiça social,
desde a abolição da escravatura.

O mapa da paz está desenhado em uma ementa!
A Paz não é apenas a ausência da guerra, é a presença da justiça!
A justiça tem que ser cega à raça, cor, religião ou espécie.
Se ela não for cega, ela será uma arma de terror.
 Philip Wollen

Sabiam que existem no mundo mais que 600 milhões de vegetarianos e veganos?
Isso é mais do que os EUA, a Inglaterra, a França, a Alemanha, a Espanha, a Itália, o Canadá, a Austrália e a Nova Zelândia juntos!

Se nós fossemos uma nação, seríamos maiores do que os 27 países da União Européia.

"Apesar desta enorme pegada demográfica, ainda somos tidos como imperceptíveis pelas vozes estridentes dos cartéis da morte e da caça, que acreditam que a violência é a resposta, quando esta não deveria ser nem sequer a pergunta!". 

Essas e outras citações são de Philip Wollen, que já foi vice-presidente do Citibank e hoje dedica seu tempo e dinheiro à filantropia em defesa dos direitos dos animais. Financiou a produção do filme A Trilogia dos Terráqueos. Patrocinador de diversas ONGs, tais como: Greenpeace, Sea Shepherd, Wilderness Society, Lawyers for Animals. 

Atualmente, seu principal projeto pessoal é a Casa da Bondade, (Winsome Constance Kindness). Saiba mais no link http://acaopelosdireitosdosanimais.blogspot.com.br/2015/07/o-que-tem-dizer-o-homem-que-ja-foi-vice.html



Dizy Ayala
Blogueira, Revisora, Escritora, Vegana.
Defensora dos Direitos dos Animais, 
Formanda em Publicidade e Propaganda - 
Universidade do Vale do Rio dos Sinos - Unisinos
Página no facebook
Ação pelos Direitos dos Animais  
dizyayala@gmail.com


Saiba mais sobre estes e outros temas no livro Uma Escolha pela Vida 
e faça você também um consumo consciente 
com maior qualidade de vida, respeito ao meio ambiente 
e às outras espécies que o dividem conosco.

Informações no link




Nenhum comentário:

Postar um comentário